Home » Arquitetura, Concursos, Entidades, Notícias » Conheça os vencedores do Concurso de Arquitetura para o Memorial às Vítimas da Kiss

Conheça os vencedores do Concurso de Arquitetura para o Memorial às Vítimas da Kiss

Arquiteto mineiro levou quarto lugar no concurso do Memorial às Vítimas da Kiss

Memorial às Vítimas da Kiss

Grande vencedor do Concurso. Foto: Divulgação/IAB-RS

O grande vencedor do Concurso Público Nacional de Arquitetura para o Memorial às Vítimas da Kiss foi anunciado no dia 10 de abril, em cerimônia realizada em Santa Maria. O projeto escolhido em 1º lugar por unanimidade foi do escritório Motta e Zene Engenharia e Arquitetura, de São Paulo (SP), representado pelo arquiteto e urbanista Felipe Zene Motta.

De acordo com a Comissão Julgadora, a proposta se destaca pela oportuna inserção urbana e implantação no nível médio do terreno, seu caráter simbólico e delicadeza ao colocar seu ponto focal em um jardim florido no centro da exposição. O projeto reforça o sentido afetivo do lugar da memória ao mesmo tempo que oferece à cidade uma narrativa do fato de forma a contribuir para a superação. A facilidade e simplicidade de execução e manutenção são favorecidas pela organização espacial das funções em único pavimento.

Ao todo foram 133 projetos inscritos: quase um terço do Rio Grande do Sul; os demais de 13 diferentes estados, com destaque para São Paulo, Paraná e Minas Gerais. Dos 133 projetos inscritos, foram entregues 121 trabalhos válidos. A próxima etapa do Concurso será a apresentação do projeto pela equipe vencedora e a assinatura do contrato, que está marcada para o dia 24 de abril em Santa Maria.

O concurso foi lançado no dia 27 de janeiro deste ano com organização do Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB RS) e promoção da Associação dos Familiares de Vítimas e Sobreviventes da Tragédia de Santa Maria (AVTSM), com apoio da Prefeitura Municipal de Santa Maria, do Escritório das Nações Unidas de Serviços de Projetos e das três faculdades de Arquitetura e Urbanismo da cidade. Saiba mais no Facebook do IAB RS.

Vencedores

(LINK SITE OFICIAL)

1º lugar: Felipe Zene Motta (São Paulo/SP)

Comentário: “A proposta se destaca por sua importuna inserção urbana de implantação no nível médio do terreno. Seu caráter simbólico e delicadeza ao colocar seu ponto focal em um jardim florido no centro da composição. O projeto reforça o sentido afetivo do lugar da memória ao mesmo tempo que oferece à cidade uma narrativa do fato de forma a contribuir para a superação. A facilidade e simplicidade de execução e manutenção são favorecidas pela organização espacial das funções em único pavimento”.

2º lugar: Frederico André Rabelo (Goiânia/GO)

Comentário: “O edifício proposto se apresenta como um espaço de transição entre o exterior e interior, onde o Memorial se expressa como um recinto que induz a introspecção reforçada pelo uso da luz natural. Os materiais e a morfologia adotada conferem impacto visual e solidez institucional. A permeabilidade espacial garante a integração funcional de todo o programa”.

3º lugar: Fabio Henrique Faria (Curitiba/PR)

Comentário: “A proposta busca fazer desaparecer o edifício através da superfície definida pelos limites do terreno, dando lugar a uma praça de água separada da rua, por um filtro material que aparece como um espaço urbano simbólico e sensorial. O percurso proposto cria um túnel de lembranças onde a luz mutante reforça as sensações”.

4º lugar: Fernando Maculan Assumpção (Belo Horizonte/MG)

Comentário: “O projeto oferece um relevante espaço público aberto para a cidade, concretizando o gesto urbano através da criação do vazio. Há vegetação utilizada como material, cujas cores, aromas e texturas delimitam a composição. A iluminação natural e artificial promove ambiências diurnas e noturnas propiciando a percepção das memórias”. LINK DO PROJETO

5º lugar: Paulo Henrique Paranhos (Brasília/DF)

Comentário: “Proposta configura-se como espaço neutro, quase desmaterializado, reforçando atributos do Memorial. A caixa de luz surge como um farol simbólico representativo, acentuando os aspectos solenes do lugar”.

CLIQUE AQUI E VEJA OS PROJETOS

Menções honrosas

  • Mario Figueroa (São Paulo/SP)
  • Paulo Lourenço de Jesus (Brasília/DF)
  • Nonato Veloso (Brasília/DF)
  • Ricardo Felipe Gonçalves (São Paulo/SP)
  • Pedro Rodrigues do Prado (São Paulo/SP)

Depoimentos

Memorial às Vítimas da Kiss

Evento reuniu familiares das vítimas, autoridades, organização do Concurso e imprensa. Foto: Divulgação/IAB-RS

Sérgio Silva, presidente da Associação dos Familiares de Vítimas e Sobreviventes da Tragédia de Santa Maria (AVTSM), agradeceu a todos envolvidos e em especial ao prefeito de Santa Maria, Jorge Pozzobon, pela iniciativa de apoio ao Concurso desde o início de sua gestão. Paulo Carvalho, pai que integra AVTSM, e veio de São Paulo para a cerimônia, destacou que o será um memorial à vida, não um símbolo da morte. “Nossos filhos viveram e tiveram sonhos e eles continuam em nossos corações. O memorial é para o presente e para o futuro de outros jovens”, emocionou-se Paulo Carvalho.

“Foi um dos mais significativos concursos que o Instituto de Arquitetos do Brasil já realizou, pelo processo rico, intenso e com tanto sentimento envolvido”, destacou Rafael Passos, presidente do IAB RS. “O Memorial tem o objetivo e a responsabilidade de ressignificar aquela área física, para que não se repita. É o momento de a arquitetura dar sua contribuição neste triste evento”, falou Lídia Rodrigues, presidente do Núcleo do IAB em Santa Maria.

prefeito de Santa Maria, Jorge Pozzobom, observou que o Memorial terá um papel fundamental para transformar um lugar de dor em amor. “Queremos que o mundo inteiro possa saber que Santa Maria será uma cidade de acolhimento e de prevenção para que não se repitam nunca mais tragédias como essa”, destacou.

“Agradeço aos pais da AVTSM, às comissões deliberativas e à Prefeitura de Santa Maria pela confiança e parceria. Pelo menos 500 arquitetos do Brasil inteiro, que integram as 133 equipes, se dedicaram ao projeto. Essa participação demonstra o grande interesse dos profissionais em oferecer sua competência e criatividade para que Santa Maria faça uma homenagem significativa e relevante às vítimas da tragédia”, destaca o coordenador do Concurso e presidente do Conselho de Arquitetura e Urbanismo (CAU/RS), arquiteto e urbanista Tiago Holzmann da Silva.

Via CAU/RS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *